Casos de infectados em Rondon reforçam necessidade de isolamento social

Por Jussara Alves e Lucas Guilherme

Assim como tem acontecido em todo o país, o número de casos de pessoas infectadas com o Covid-19 em Rondon do Pará também cresceu nas últimas semanas. O município tem dois óbitos confirmados e, até o fechamento dessa reportagem, quatro casos em análise, quatro confirmados pelo Laboratório Central, quatro confirmados por teste rápido, além de 321 monitorados e um recuperado. Além disso, a número de profissionais da saúde está reduzido na cidade devido ao afastamento de 11 trabalhadores por estarem com sintomas relacionados ao novo coronavírus. Essa situação levou a prefeitura municipal a emitir na última segunda-feira (4) o Decreto 065/2020 com medidas que pretendem reprimir o fluxo de pessoas nas ruas e, consequentemente, diminuir as chances de contaminação da comunidade. Esse documento complementa os decretos estaduais estabelecidos pelo estado desde o início da pandemia.

Aglomeração em frente à Caixa Econômica Federal

No domingo (3), a enfermeira Carla Mileni Siqueira dos Santos, 49 anos, faleceu devido a complicações depois da contaminação do Covid-19. A enfermeira da Secretaria Municipal de Saúde, Nilzete Teixeira Martins, não soube afirmar a forma de contágio da colega, já que existe hoje uma transmissão comunitária na cidade. “Sabemos que ela se infectou aqui na cidade, considerando que ela não tenha tido nenhuma viagem nos últimos 14 dias. O vírus está em qualquer lugar, e o período de incubação é em torno dos 14 dias, então não se sabe ao certo onde ela contraiu o vírus”. A reportagem do El País, que abordou a contaminação de profissionais de saúde por todo o Brasil, mostrou o caso de Carla e falou sobre sua contaminação a partir do atendimento da primeira pessoa a contrair o vírus em Rondon.

Medidas preventivas

Os casos na cidade mostram que o vírus está ativo e que, portanto, é preciso conter sua proliferação. Dentre os principais pontos do decreto está o uso obrigatório de máscara de proteção sempre que sair de casa, a proibição de aglomerações e o toque de recolher entre 22h e 5h. Segundo o prefeito Arnaldo Rocha, essas medidas são necessárias para evitar a disseminação do vírus já que a cidade não possui estrutura sanitária (profissionais e equipamentos) para tratar os doentes que apresentem gravidade no quadro de saúde. Sobre o uso de máscaras, Rocha disse que não haverá distribuição do equipamento de segurança para a comunidade, embora estejam sendo feitas doações informais e explicações sobre a fabricação caseira de máscaras. No caso dos bancos, que estão com muito movimento nesse momento de saque do auxílio emergencial, o chefe do executivo disse disponibilizar um bombeiro civil para ajudar na organização do atendimento na Caixa Econômica Federal. Os outros bancos e a lotérica foram orientados a organizar o atendimento para não colocar em risco as pessoas que estão nas filas. A Polícia Militar também está auxiliando esse trabalho nos bancos. Ainda que a fiscalização das medidas seja feita pela Vigilância Sanitária através da Secretaria
Municipal de Saúde, a PM também colabora de forma importante. De acordo com o Major Pereira, os trabalhos de conscientização estão sendo realizados diariamente buscando reduzir os casos de contaminados por Covid-19. “Estamos agindo em conjunto com o município fiscalizando e orientando as pessoas para o cumprimento dos decretos estadual e municipal, fazendo abordagens nos locais onde há possível descumprimento. Algumas pessoas já foram, inclusive, encaminhadas para a delegacia por não obedecerem os decretos, organizando festas particulares e com som alto”. Além disso, continuam com o habitual policiamento ostensivo preventivo para coibir outras ações delituosas.

A Câmara de Vereadores também está realizando trabalho em conjunto com os demais órgãos públicos da cidade. Segundo o vereador Fabiano de Carvalho o primeiro passo foi publicar em março o Decreto 001/2020 que reconhece o Estado de Calamidade Pública em Rondon do Pará. Agora, a Câmara têm atuado na fiscalização por meio de comissão. “Criamos a comissão composta por quatro vereadores que está acompanhando a execução das ações relacionadas à pandemia. Estamos fiscalizando os recursos que chegam ao município, solicitando informações quando acharmos importante para que tudo saia como deve ser”.

Iniciativa popular

Além das fiscalizações pela prefeitura e Polícia Militar, existem também iniciativas populares de conscientização sobre a necessidade do isolamento social. Um perfil criado no Instagram chamado Covid_Rondon tem o objetivo de expor as pessoas que estão descumprindo os decretos que proíbem aglomerações. De acordo com os administradores, que preferiram não se identificar, foi uma forma que encontraram para as pessoas se conscientizarem. “Somos um grupo de amigos e sempre comentávamos sobre a quantidade de gente que estava quebrando a quarentena, mesmo sendo pessoas conhecidas nossas. O povo da cidade se importa muito com a imagem e status. Serem julgados poderia mudar a situação”. A página ganhou uma elevada repercussão em menos de 24h. “Nos primeiros momentos nós fomos bastante atacados, muitos eram contrários. Mas buscamos sempre tratar as pessoas com respeito e educação. Hoje temos um apoio maior das pessoas que tem feito a gente continuar com a ideia”.

Aplicativo

Como forma de monitorar os casos existentes, a prefeitura vai lançar esta semana um aplicativo que auxilia no diagnóstico e na localização dos contaminados. É um dispositivo gratuito que viabiliza o atendimento remoto e auxilia no acompanhamento de pessoas infectadas. O lançamento está previsto para os próximos dias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s