Coronavírus muda rotina dos rondoneses

Por Jussara Alves e Lucas Guilherme

Mesmo sem nenhum caso de coronavírus em Rondon do Pará, várias medidas estão sendo tomadas com o intuito de prevenir um possível contágio. Um boato chegou a se espalhar com a informação de que havia uma suspeita de caso na cidade mas foi desmentido pela Secretaria de Saúde. Segundo a enfermeira, Nilzete Texeira Martins, da secretaria, não há nenhuma notificação. “Até o momento Rondon do Pará não tem nenhum caso investigado em relação ao coronavírus. Essa é uma certeza que a gente tem. O que acontece é que há casos de síndrome respiratória aguda grave que estamos examinando, colhendo o material e encaminhando para Belém para ser investigado. Mas não se trata de coronavírus”. Segundo a enfermeira, o fato de estarmos em um período chuvoso acaba proliferando a gripe comum. Então, qualquer pessoa que apresente sintomas, seja idoso, adulto ou criança, procura o posto de saúde e é encaminhado para fazer coleta de dados. Esses exames são encaminhados para Belém. O município tem tido um cuidado redobrado com a pessoas que chegam de viagem internacional pois podem trazer o vírus.
O coronavírus (COVID-19) é um vírus que causa infecções respiratórias graves e pode levar a óbito em casos graves. Os sintomas da infecção são: febre alta, tosse seca, dificuldades na hora de respirar, cansaço, fadiga e diarreia.
O primeiro caso confirmado no estado foi nesta quarta-feira (18) pela Secretaria de Estadual de Saúde (Sespa). O infectado é de Belém, tem 37 anos e se encontra em isolamento familiar mas se houver um agravante outras medidas serão tomadas.

Eventos e aulas

Por conta de medidas preventivas e necessárias recomendadas pelo Ministério da Saúde, algumas instituições de Rondon do Pará estão suspendendo e adiando suas atividades e eventos que estavam programados para esse mês. A Prefeitura Municipal lançou um informativo dizendo que estão suspensos os eventos programados. A secretária de Cultura (Secult), Angélica Oliveira, disse que estão tomando medidas preventivas. O festival de canto e as aulas da escola de música foram suspensas. “Agora é hora e momento da prevenção e não de pânico, é momento de se resguardar para evitar o que aconteceu na Itália, e por isso a Secretaria está suspendendo seu funcionamento temporariamente para não haver contágio”.

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) suspendeu também as aulas em todo o município para evitar possíveis infecções dos alunos, profissionais da educação e de toda comunidade. A secretária, Rosiane Montreuil, afirmou que isso não significa férias. “Quero lembrar que essa medida tomada foi para resguardar a comunidade e não para deixar de ir para a aula para passear. A prevenção é para não haver contato uns com outros já que Rondon é uma cidade que recebe muita gente de fora. O povo de Rondon é um ciclo de gente vindo e indo de vários países. O objetivo maior é de prevenir e tomar cuidados necessários e redobrados”.

As aulas nas escolas particulares, na Escola Estadual Dionísio Bentes de Carvalho, e na Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) também estão suspensas. Para o diretor do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas da Unifesspa, Gabriel Outeiro, algumas disciplinas poderão ter conteúdo repassado de forma virtual para que os alunos continuem estudando durante a quarentena. “Aquilo que a gente pode tomar de medida para privilegiar a saúde dos nossos servidores e alunos estamos fazendo”, ressaltou Outeiro.

Cuidados redobrados

O médico do hospital São José, José Henrique Lopes, disse que com o primeiro caso registrado no estado nesta quarta-feira os cuidados devem ser redobrados. “Teve uma reunião na terça-feira com o pessoal da Secretaria de Saúde para tratar sobre protocolos. Em questão do tratamento o município não tem condições, principalmente se for referente ao corona vírus”. Segundo ele, em Rondon existem equipes preparadas, mas em caso de confirmação a pessoa será encaminhada para os hospitais que apresentam estrutura na região, como em Marabá e Paragominas. Segundo Lopes, em Rondon não é possível realizar o teste de identificação do vírus. A pessoa colhe o material em um laboratório do município, público ou particular, e o material é enviado para Belém. Para ele, as medidas de prevenção devem ser levadas a sério. “Não tem nenhum caso no município, o que está sendo feito é uma medida preventiva para tentar frear ao máximo o vírus”. As recomendações são ficar dentro de casa, evitar aglomerações entre pessoas, e caso apresente qualquer sintoma deve-se procurar a urgência e emergência do hospital.

Comércio

No comércio, os trabalhos não foram suspensos, mas os funcionários estão recebendo orientações para conciliar a rotina laboral com a prevenção. O operador comercial do supermercado Nogueira, Sérgio Resende, disse que a empresa está trabalhando para evitar a falta de alguns produtos. “O álcool em gel apresentou uma falta no mercado de forma geral, estamos trabalhando para ter o produto para oferecer aos consumidores que estão usando com frequência neste momento. Chegamos a cancelar pedidos porque o fornecedor estava usando prática ilegal, pois o governo informou para ser vendido no valor de R$ 20,00”. Ele ressalta que a conscientização com os funcionários do estabelecimento está sendo feita individualmente, para informar e ter os cuidados necessários. Nas farmácias, o produtos mais procurados são o álcool em gel e as máscaras de proteção. De acordo com o proprietário da farmácia Vitória, Lucas Barros, o álcool acabou muito rápido e não há reposição. “Até nas distribuidoras está difícil comprar. Não suspendemos os trabalhos, pois se trata de uma farmácia e as pessoas sempre procuram para comprar medicamentos. Estamos tendo o cuidado necessário, mantendo o ambiente sempre limpo”.

Algumas lojas estão anunciando mudanças como práticas dos funcionários para evitar a transmissão, o distanciamento, a disposição de álcool gel, limpeza regular das superfícies e até mesmo atendimento online para levar a mercadoria na casa dos clientes, como é o caso das lojas de confecções. A proprietária do Espaço Ouzadia, Wildelaide Silva Souza, explica que todos os cuidados possíveis estão sendo tomados. “Além da conscientização dos funcionários, estamos fazendo a limpeza da loja duas vezes ao dia. E a cada duas horas higienizamos as portas, puxador principalmente, e os móveis também. Na água além dos produtos de limpeza de nosso costume, estamos adicionando álcool e vinagre”.

De acordo com o presidente do Sindilojas, Itamar Silva, o comércio está abastecido para atender a comunidade com os produtos necessários. “Não precisa ter alvoroço, de ir nos comércios e querer estocar essas mercadorias. É importante que as pessoas cumpram o que está sendo falado pelas autoridades e ficar em casa. Sabemos que o comércio já diminuiu o movimento, e já tem um número menor de pessoas nas ruas”.

Bancos

Os bancos da cidade continuam funcionando normalmente. Na Caixa Econômica Federal alguns cuidados como o afastamento dos bancos para distanciamento das pessoas foram tomados. Além disso, o fluxo da agência foi reduzido pela metade com a diminuição da quantidade de cadeiras, atendimento com um metro de distância entre as pessoas, álcool em gel disponível e higienização das áreas comuns. No Banco do Brasil, funcionários mais velhos, do grupo de risco, foram dispensados até que o perigo de proliferação seja reduzido. A entrada foi restrita a uma pessoa por vez na agência.

Prevenção

A recomendação da Organização Mundial da Saúde para evitar que o vírus se alastre é manter o modo de isolamento e de prevenção em casa, além de tomar os cuidados básicos:

  • Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
  • Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
  • Evite aglomerações se estiver doente.
  • Mantenha os ambientes bem ventilados.
  • Não compartilhe objetos pessoais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s